ADEUS GLORINHA VIEIRA PEIXOTO! NOTÁVEL SER HUMANO

 


Em fevereiro, o mundo elegante paranaense perdeu um dos seus personagens mais admiráveis. Eu falo de Glorinha Vieira Peixoto, que brilhou com seu DNA mineiro, tendo na heráldica os Vilhena de Andrade e os Vieira, sendo filha do pujante e lendário Avelino Vieira.

Glorinha era a própria expressão, o mais significativo modelo de quanto o patrimônio material ligado ao refinamento podia remover montanhas. Relato como exemplo a novela “Dancin´Days”, folhetim de Gilberto Braga, que em certo capítulo faz um personagem anunciar: Glorinha e José Márcio estão chegando ao Rio. O Rio foi sempre cenário do universo de Glorinha, onde chegou a ter , como mestra de pintura, Ione Saldanha, com dedicação também ao francês.

Foi em Paris, ao ser apresentado a Hildegard Angel, por Juarez Machado, que dimensionei melhor a importância de Glorinha: a colunista de O Globo convidou-me para um chiquérrimo jantar, que ela, Hildegard Angel, ofereceu no Regine´s.

No elegante party, Glorinha foi o prato de resistência em boa parte das conversas. Onde estivesse, Glorinha Vieira Peixoto deixava marcas de grande ser humano, realmente inesquecível. Em seu expressar-se era contagiante, dócil, natural, comunicava seus abundantes dotes. Mulher íntegra, sem arrogâncias, admiradora dos reais talentos, foi grande em todo seu viver.

Seja em Curitiba, Rio, Paris e na nossa Ibaiti, Rainha das Colinas, Norte Pioneiro do Paraná,  onde o filho Marcinho é fazendeiro, o nome Glorinha é de exaltação de generosidade e doação humana.

O meu abraço de profundo sentimento aos filhos Cintia, Andréa, Marcinho, familiares e íntimos.


REFLEXÃO

“A ninguém devais coisa alguma, a não ser o amor com que vos ameis uns aos outros; porque quem ama aos outros cumpriu a lei”

Romanos 13:8

“Mulher invisível, humilde, trabalhadora, é a estrutura que sustenta o Lar e o País”

Adélia Woellner, poeta e escritora, membro da Academia Paranaense de Letras


Postado dia quinta-feira, 17 de março de 2022.Você pode seguir este post através do link RSS 2.0. Você pode deixar um comentario.

Deixe seu comentário