MARIA HELENA CANET: SAUDADES

 O mundo social e empresarial paranaense foi abalado com a morte de Maria Helena Canet, que deixa viúvo Dilso Faraco. De personalidade vibrante, espontânea, figurava na galeria dos notáveis. Apaixonada por Caiobá, abria a temporada de veraneio com o tradicional arroz à carreteiro, preparado por João Canet, seu irmão. Com seus dotes de grande anfitriã, que contagiava com a tamanha informalidade que bem a definia, recepcionou famosos do vídeo e do Jet set que desciam à orla como convidados de honra para as festas Garota Caiobá, capitaneadas pelo grande Dino Almeida, da Gazeta do Povo.

A dócil Maria Helena Canet deixa marcas de generosidade e  grandeza humana inesquecíveis,  tendo sido determinante em minha caminhada pelo colunismo social. Aos filhos Guto e Cristiane Canet Mocellin, e familiares, o meu profundo pesar, evocando as graças e misericórdias do trino Deus

Maria Helena Canet com a filha, Cristiane Canet Mocellin, em tarde comemorativa na Estância Ouro Fino

Foto: Divulgação

 

REFLEXÃO


“E eles disseram: Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo, tu e a tua casa”

Atos 16:31

“Não há no mundo exagero mais belo que a gratidão”

Jean De La Bruyere

Postado dia quarta-feira, 14 de abril de 2021.Você pode seguir este post através do link RSS 2.0. Você pode deixar um comentario.

Deixe seu comentário