DI MAGALHÃES

 As arte do goiano Di Magalhães é expressa em seu academicismo num universo que relaciona os casarios de sua amada Cidade de Goiás, tendo a história do Paraná antigo em suas pinceladas que mostram os centenários casarios da paranaense Lapa, seja o Teatro São João, moradas dos Carneiro, Lacerda e antiga Casa de Câmara e Cadeia. De suas aquarelas, destacando atrações turísticas de Curitiba, o sobrevôo inspirativo alcançou a fauna brasileira, com suas aves que encantam o mundo. Uma das telas de pássaro faz parte do acervo de Danielle Mitterrand, ex-primeira-dama da França,  presenteada pelo prefeito Rafael Greca, quando presidente da COAPAR. De sua fornada recente, Di Magalhães traz as antigas lavadeiras do Rio Vermelho, imortalizadas nos versos da grandiosa Cora Coralina

 

PINTURAS, BICOS DE PENA E AQUARELAS


LAPA

Teatro São João


Casa da Memória


Centro Histórico


Casa de Ney Braga


Igreja de Santo Antonio



PÁSSAROS














AQUARELAS


Jardim Botânico

Bondinho da XV

Catedral de Curitiba

Parque Tanguá   

Colégio Estadual

Rua das Flores

Morretes

Caravela

Maria Fumaça no Túnel na Serra do Mar

Armazém Macedo - Antonina
Armazém Macedo - Antonina

Estação Ferroviária - Antonina

Armazém Macedo - Antonina
Maria Fumaça no Túnel na Serra do Mar

Paranaguá

Maria Fumaça no Viaduto Carvalho na Serra do Mar



Postado dia quarta-feira, 16 de dezembro de 2020.Você pode seguir este post através do link RSS 2.0. Você pode deixar um comentario.

Deixe seu comentário