Direito Intelectual, Conquista de Juliano

Juliano França Tetto, sócio da banca Tetto, Macedo, Mees & Tisi Advogados, está voltando da Universidade da Califórnia, Berkeley, onde por quatro meses (e depois de rigorosa seleção) fez o Mestrado em Propriedade Intelectual, que está em primeiro lugar nas escolas de Direito do mundo. Não precisa dizer mais nada sobre a importância desse aprimoramento profissional de Juliano, uma etapa vencida ao lado de advogados de 47 países. Mas o que mais impressiona aos simples viventes é saber que Berkeley - onde Jaime Lerner já ministrou cursos – é a instituição que abrigou em seus quadros 30 detentores do Prêmio Nobel. Tetto se ufana de ter sido aluno de gente de alta importância no mundo jurídico internacional. Entre outros, os professores Ben Depoorter, Peter Menell, Robert Merges e Paul Schwartz, referências mundiais em Propriedade Intelectual. Para mim, amigo da família de Juliano, resta o registro: o jovem causídico se apressou em retornar com a família a Curitiba, pois diz que não perderia o lançamento de Vozes do Paraná 7, em que meu avô, o comandante França, é um dos personagens. Observação: noite de autógrafos na EBS Business School, dia 10 de setembro, a partir de 19h, Rua Eng. Rebouças, 2176.

Postado dia sábado, 29 de agosto de 2015 com os seguintes temas ,,,,,,,,,.Você pode seguir este post através do link RSS 2.0. Você pode deixar um comentario.

Deixe seu comentário